{casual post} 5 motivos para ter um gatinho

Vocês já sabem que eu tenho duas gatinhas em casa, não é? Principalmente no instagram, vivo compartilhando foto das minhas mocinhas… E adoro falar delas! Então nada mais justo do que um post da série “5 motivos para” dedicado às felinas!

1. Elas fazem companhia em todos os momentos.

1companhiaA

Quem fala que gato não é um bicho companheiro tá mais do que enganado. Aqui em casa rola até uma escala de colo – quando estou trabalhando a Blair não sai de perto. Já à noite é hora da Mia: ela literalmente se joga em cima da gente e faz cara de coitada quando não damos carinho.

1companhiaB

2. Elas brincam. Muito.

2brincamA

“Gato é um bicho chato e que não faz nada”. Ahãn, Claudia, senta lá. Ou vem aqui em casa brincar de bolinha de papel alumínio com as gatas (e cansar de ver elas trazerem até você pra jogar de novo).

2brincamB

3. Elas (quase) não dão trabalho.

3trabalho

Só quando resolvem atacar o pote de ração. Juntas.

A Debora me dizia que ter dois gatinhos é o mesmo trabalho de ter um só, e é verdade. Aqui em casa o trabalho só é dobrado na hora de cortar as unhas – que diga-se de passagem eu faço sozinha em cinco minutos. Comem juntas, dormem juntas, tomam leite juntas, usam a mesma caixinha de areia (não juntas porque não cabem, mas ok).

4. Elas são limpinhas.

4limpinhas

Pra você ter uma ideia, as duas vieram pra cá em dezembro de 2011. Nunca demos banho nelas, desses com água e shampoo – e pode cheirar pescocinho à vontade que não tem cheiro ruim. Como são duas, uma dá banho na outra, então não fica nada sem limpar. E o banho é um ritual pra elas, todo santo dia, várias vezes ao dia.

5. Elas ficam bem sozinhas.

5sozinhas

Uma das nossas preocupações quando estávamos atrás de um animalzinho de estimação era não fazer o pequeno sofrer. Na época eu trabalhava fora, e o bichinho ia ficar sozinho o dia todo. Cachorro geralmente sofre muito, e se era pra ter um animal assim eu preferia não ter. As gatas ficam bem sozinhas, fazem companhia uma para a outra e se viram por um ou dois dias sem nenhum ser humano, se precisar. Quando viajamos, meus pais ou sogros vêm pra trocar comida, dar água fresquinha e limpar a caixinha a cada dois dias – mas se é uma viagem curta, tipo final de semana, nem nos preocupamos com isso e elas ficam super bem.

Te convenci? ;)

  • Debs

    Sobrinhas lindinhas <3
    Gato é tudo de bom, só não sabe quem nunca teve um…

  • Raquel Leite

    Oi Lilian, que legal esse post! Estou louca por um animalzinho, já pensei em gatos, mas tenho medo que subam na cortina, estraguem o sofá, derrubem meus enfeites, comam as plantinhas hahaha Isso acontece com as suas? Beijo!

    • http://secrets.blog.br/ Lilian Wiczneski

      Oi Raquel =)
      Então, meu sofá elas nunca arranharam – é daquele tecido suede, impermeabilizado. Acredito que o produto impede elas de pegarem, porque as cadeiras da mesa são de suede sem impermeabilização e elas estão meio que destruidinhas =/
      Os enfeites elas encrencam com o que é novo no ambiente, mas depois acostumam. Plantas eu não tenho, mas volta e meia trago um vasinho de flores e elas mordiscam.
      Eu penso assim: os bichinhos são irracionais (apesar de às vezes não parecerem), então ter um animal de estimação é aceitar conviver com alguma coisa estragada em casa. Por exemplo, para a próxima mesa de jantar, não vou pegar cadeiras de tecido. A gente vai se adaptando e aceita os “probleminhas” porque o amor dos bichos é tanto, tanto, que supera o que é ruim. E olha que as minhas (a Mia, principalmente) são atentadas, haha! Do tipo que não podem ver nada fora do lugar, coisas assim. Mas com o tempo você – e o bicho – se acostumam. Tem gente que tem gatos que não se importam com nada, são bem mais tranquilos. Vai da personalidade do bicho e dos donos =)
      Um beijo!

      • Raquel Leite

        Obrigada pela resposta! :) Estou tentando convencer o marido e vou usar esses argumentos também hahaha Beijo!

  • http://tudoqueeuvivo.blogspot.com/ May

    Eu sempre curti mais gatos do que cachorro e o meu marido não gosta…
    Daí acabei arrumando um Shih Tzu, mas tive que pesquisar muito para não ter problemas com latidos no apartamento e o lance de deixar sozinho… Ele é quase um gato, só falta se banhar sozinho, mas isso é outra coisa…

    Convenceu sim!
    Mas tem que convencer meu marido! Hehehe!
    Mas agora já tenho meu cãozinho…

    Lindas suas meninas!

    • http://secrets.blog.br/ Lilian Wiczneski

      Shih Tzu são os cachorros mais calminhos que eu conheço, May! Uma tia nossa tem um e é bem o que você disse, parece um gato, haha!
      E ó, eu só acho que um gatinho ia ser a companhia perfeita pro seu bebê! ;)
      Beijo, amada!

  • mundodebeauty

    tb tenho gatos…5 ! amo todos =]

    • http://secrets.blog.br/ Lilian Wiczneski

      Eu até queria mais um, pelo menos, mas marido já acha que tem “população felina” suficiente nessa casa, hehe!

  • Raquel Leite

    Oi Lilian, super legal o post! Queria saber se suas gatas não sobem nas cortinas, arranham os sofás, derrubam os enfeites da sala… Beijo!

  • Josele Lopes

    Q fofas<3
    Quais os nomes?

    • http://secrets.blog.br/ Lilian Wiczneski

      Oi Josele! A tricolor (com pelo amarelo) é a Mia, e a cinza é a Blair =)
      Um beijo e obrigada pela visita!

  • katy

    Xiça realmente fiquei apaixonada por elas! Adoro animais mas não tenho, não posso ter….snif snif!!!